Notícias sobre Filipino Martial Arts no Brasil e no Mundo

Post Top Ad

domingo, 18 de junho de 2017

Entrevista com o Guro Jorge Leal






1- Olá! Obrigado por nos conceder esta entrevista. Você pode nos contar um pouco sobre seu começo com artes marciais?
Olá a todos é um prazer estar aqui minha história é simples mas de fato como todo menino sempre gostei de artes marciais e os filmes sempre são inspiração e sonhos das crianças, mas de fato só comecei a fazer Judô com 16 anos e cheguei apenas na faixa amarela, mas precisei adormecer na prática da lutas devido a outros compromissos e profissão etc,. Em 1991 na Escola de Formação de Sargentos da Policia Militar do RGS, novamente a arte do Judô bateu a minha porta, mas de novo compromissos familiares e carreira me obrigaram a uma nova pausa por logo período. Somente quando fui para reserva (aposentadoria) voltei a treinar com força total, mas agora voltado para a defesa pessoal através de outras técnicas como o Krav Maga, que treinei por cerca de 1 ano me graduando a faixa verde nível 1. Devido a mudança de residência para Porto Alegre, aliado a dificuldade de encontrar tal atividade na nova cidade, acabei treinando de forma despretensiosa um pouco de hapkido por cerca de 1 ano.



2- Sobre a FMA, como você conheceu esta modalidade? Como você começou e o que despertou seu interesse?
Bom daí em diante muitas coisas mudaram, pois tudo tem seu tempo certo. Assim acabei conhecendo o Mestre Alessandro Lucas, que começou a ensinar o Arnis Kali na mesma academia que eu treinava, o Clube Funcional em Porto Alegre. Acabamos indo para Filipinas, juntamente com o Mestre DADA INOCALLA, Mestre LUCAS e Esposa Sra CLAUDETE, lá me apaixonei pela cultura e arte, começamos na faixa branca e isso é um orgulho pois acredito ser a mais importante da formação de qualquer anisador. Também participei de Seminário no Chile com Kuya Doug Marcaida, ou seja, estou sempre buscando novos conhecimentos e práticas que eleve a cultura e a arte filipina no Brasil;

3- O que você pensa sobre a integração do FMA com outras modalidades de artes marciais?
Penso que integração e convivência pacifica são muito importantes! Não vejo nenhuma arte marcial superior ao Arnis Kali, mas também não vejo o Arnis Kali superior a nenhuma arte. Acreditamos ser uma arte diferente não é ser melhor, acreditamos que Arte Filipina seja o estilo que for, complementa as demais artes. É natural ver vários praticantes de muay thai, hapkido etc treinarem o arnis e conseguir ver o diferencial na pratica do combate. Diferentemente das demais formas de arte marcial com competição, cujo treinamento visa a formação de atletas, o Arnis forma especialistas em armas de impactos e laminas. Raras são as competições com exceções nas Filipinas onde vê-são competições e ensino nas Universidade e algumas "High school";

4- Qual é a sua visão da FMA hoje no Brasil e no mundo?
No mundo existe várias escolas acreditamos que a equipe mais organizadas estão na Alemanha, USA e agora no Brasil no sul do pais em Porto Alegre, sede da IAKA Internacional Arnis Kali Association, onde o grupo cresce cada dia mais sob a batuta do Mestre Lucas, ainda precisamos expandir novas terras e horizontes em relação ao Arnis, pois recentemente residindo aqui no Rio de Janeiro notamos uma certa desinformação sobre essa nobre Arte Marcial combativa, não sendo tal fato exclusivo do Rio de Janeiro, diferente das Filipinas onde 90% da população tem ideias sobre o Arnis, mudando apenas de nome em alguns locais, afinal de contas um pais que existe vários dialetos na poderia ser diferente;

5- Qual a sua opinião sobre a relação entre as FMA e a defesa pessoal?

Muito importante é o mais próximo do real, eficaz nos dando um visão diferente sobre o "Self Defense", venha treinar e conhecer e você vai entender o que é realmente o Arnis, nossa estrutura e organizada e visa sempre a segurança do aluno, aqui não brincamos é um trabalho sólido e de extrema responsabilidade pois lida com técnicas diferentes. "Para que o mal prevaleça, Basta que os bons não façam nada" (Edmund Burke). Acreditamos que a pratica de defesa pessoal se pratica todos os dias, até mesmo quando viramos uma esquina estar atento e vigilante sempre, o Arnis Kali também com certeza nos eleva em nível de segurança e confiança;

6- Muito obrigado pelas suas respostas! Gostaria de deixar uma mensagem para os nossos leitores
Bom minha mensagem final seria para que não desista nunca de seus objetivos foque em suas prioridades, para quem tem interesse em conhecer aqui no Brasil vários polos da IAKA e inclusive outros países, em especial no Rio de Janeiro em Botafogo e Tijuca.
Meus sinceros agradecimentos ao Guro Tales, Guro Felipe e demais arnisadores de todo o mundo e Brasil. em especial mestre Lucas e colegas. Grande e fraterno abraço. Pugay po kayo Mabuhay

Nenhum comentário:

Postar um comentário